quinta-feira, 16 de junho de 2005

As horas

As horas demoram a passar,
porque espero por ti.
Sei onde estás,
mas ainda não te consigo ver.
Dizes-me para esperar, que já falta pouco,
mas eu penso nas horas...
Quero conhecer-te, abraçar-te,
encher-te de beijos e envolver-te,
mas ainda faltam tantas horas...
Afinal de contas,
temos muito em comum, eu e tu.
Temos uma vida inteira juntos,
tantas horas para compartilhar
eu e tu, minha filha!

9 comentários:

Luisão disse...

Que bonito, Nuno! Estás mesmo ansioso. :
)
Venha ela. E com muita saúde!

framentosII disse...

Esta é outra faceta que eu também não conhecia. Boa Nuno continua e não desanimes falta pouco.

Vilma disse...

Hi... que me fizeste arrepiar!! Lindo!

Nuno disse...

:-)

Avozinha disse...

Que lindo! nem eu diria melhor...

ervilha ascenso disse...

Tá quase!!! :)

Ana Rute Cavaco disse...

:)

a mãe dos miúdos disse...

Olá Nuno,

vim aqui ter porque a Sara reenviou para aqui o pessoal que quisesse saber notícias da vinda da Joana. Ora, eu quero e quando li este texto arrepiei-me toda.

Um beijinho muito grande para os três e, tal como disse à Sara, vai preparando o teu coração

Nuno disse...

Olá a todos e muito obrigado! Não percebo é porque é que se arrepiam...lol :-)