quarta-feira, 14 de fevereiro de 2007

A Saudade

Um nostálgico tem sempre saudades. De um lugar, um amigo, um cheiro, uma voz, um sabor, um toque, enfim, de tudo o que povoa o seu baú de memórias. Sendo eu próprio um nostálgico assumido, passo muito tempo a lidar com os assaltos constantes da saudade, lutando conseguir satisfazer os seus exigentes apetites, para guardar cada precioso instante da estranha e brutal experiência que é a vida.

5 comentários:

Revolução disse...

Realmente concordo contigo brow!Ela as vezes também me assalta, eu viajo na maionese...

Nuno disse...

Lol.

Vilma disse...

Eu percebo.. sou uma tremenda de uma nostálgica!
Espero que as minhas hormonas tenham juízo a partir de agora, pois até aqui tenho conseguido controlar a nostalgia! :)

Vanessa disse...

eu vivo feliz com a memória do meu passado, tenho muitas saudades de muitas coisas, viajo todos os dias na maionese...sorrio, sorrio porque cada dia tenho mais umas pérolas para pôr no baú =)
Beijo

Anónimo disse...

Ecclesiastes 7:10
Jamais digas: Por que foram os dias passados melhores do que estes? Pois não é sábio perguntar assim.